2

8 erros que você precisa evitar em sua apresentação de negócios!

Apresentação de negócios

A apresentação de negócios é um momento decisivo para qualquer tipo de empresa e de profissional. De frente com uma oportunidade que não pode passar batida, para ter sucesso e conseguir os resultados esperados é necessário fugir de alguns erros que infelizmente são bem comuns neste tipo de situação e mostrar capacidade e profissionalismo para ouvir um “sim”.

Mas, como driblar a vergonha, o desconforto de estar falando com desconhecidos, e ainda apresentar o melhor conteúdo possível para o seu ouvinte ou cliente? Como planejar uma apresentação de negócios que permita que os erros fiquem de fora da sala?

Se você precisa responder a essas e outras muitas perguntas, este é o conteúdo certo para você! Veja neste artigo como melhorar a sua apresentação de negócios se portando melhor perante seu público e driblando todo e qualquer erro.

8 erros drásticos em uma apresentação de negócios

Quer melhorar a sua apresentação de negócios, mas não sabe por onde começar? A seguir estão listados 8 erros drásticos que fazem você perder espaço e oportunidade. Veja cada um deles e descubra o que precisa ser melhorado:

1. Apresentar informações irrelevantes

Um erro muito comum nas apresentações de negócios é trazer informações ou conteúdos que em nada acrescentam ao que está sendo falado. Podem ser dados, ou seja, números ou ainda opiniões que não agregam valor a pauta.

Além de tornar a apresentação de negócios mais maçante, este tipo de acontecimento faz com que seu ouvinte coloque em xeque a sua credibilidade especialmente quando este tipo de coisa acontece logo no início. Portanto, procure nunca criar a sensação de “Mas, o que é que isso tem a ver com o assunto?” e os resultados serão melhores.

2. Deixar passar a oportunidade de se conectar com o público

Para que uma apresentação de negócios tenha bons resultados é indispensável que o seu público, que pode tanto ser uma única pessoa como também um auditório abarrotado de gente, fique conectado com o que você está falando.

Essa conexão deve acontecer logo nos momentos iniciais da apresentação para que toda ela discorra melhor. Por isso, experimente treinar sempre técnicas para quebrar o gelo nesses momentos, entretanto, fuja dos lugares comuns como frases e piadas prontas. Seja original!

3. Apenas repetir o que está no slide

Você não consideraria irritante assistir a uma apresentação de negócios cujo interlocutor faz apenas a leitura de tudo o que consta no slide? Você não julgaria como uma atitude de quem não tem conhecimento sobre o que está apresentando? Se você concordou com esses pontos evidentemente já sabe que o PowerPoint nada mais é do que uma bengala.

Mas, o que seria a bengala? A bengala é um instrumento de apoio, assim como o slide deve ser em uma apresentação. O texto, as imagens e os dados que constam nesse material devem apenas lembrar o que deve ser tratado, mas nunca conduzir sozinho. Afinal, neste caso bastaria enviar o slide pelo e-mail do cliente, não é mesmo?

4. Falar jargões desconhecidos pelo cliente

Outra gafe gigantesca em apresentações de negócio é quando o apresentador começa a usar palavras, expressões e jargões que não são conhecidos e que nem fazem sentido ao cliente. Evidentemente, a comunicação fica bastante falha neste caso, pois nem sempre o ouvinte acompanhará o que está sendo dito.

Para fugir deste tipo de situação mapeie na sua mente quais são as expressões que você costuma utilizar e que não são de conhecimento geral dos demais. Substitua tais palavras e jargões por sinônimos que sejam de mais fácil compreensão.

5. Falta de clareza e objetividade na fala

Quer algo mais desmotivador do que assistir a uma apresentação em que falta clareza e objetividade na fala? Erro bastante comum, essa é uma verdadeira perda de tempo e, como diz um velho ditado: Tempo é dinheiro! Ninguém está disposto a perdê-lo!

Portanto, procure ser claro e objetivo sempre! Apresente o conteúdo que você precisa passar para o cliente de um jeito atrativo, porém sem ficar “enrolando”. A resposta do outro também dependerá da administração desse trabalho!

6. Falta de conhecimento do que está falando

Talvez o pior entre todos os erros apontados neste artigo, a falta de conhecimento sobre o assunto que está sendo apresentado também é um ponto que merece muita atenção. Não se preparar bem para este momento poderá colocar absolutamente tudo a perder.

Acredite, o seu cliente vai perceber que você não sabe exatamente do que está falando e, caso precise fazer alguma pergunta cuja resposta você não sabe, a impressão passada evidentemente não será boa. Prepare-se!

7. Não seguir um roteiro e perder o foco

Também é comum ver que as apresentações de negócio nem sempre possuem um roteiro preestabelecido a ser seguido e esse é outro erro drástico. Afinal, fica muito mais fácil se perder ao longo da apresentação neste caso.

Quando se define o passo a passo de uma apresentação dificilmente você perde o jogo de cintura. Caso algo não esteja indo tão bem quanto você gostaria, basta acelerar para a próxima etapa do roteiro e tudo isso sem perder o foco, é claro.

8. Vergonha ou medo de falar em público ou com estranhos

Por fim, é importante lembrar que para fazer uma espetacular apresentação de negócios é indispensável deixar a vergonha, o medo e a timidez de fora da sala. Se você estudou o assunto e tem um roteiro, não tem nada que lhe impeça!

A vergonha de falar com desconhecidos pode ser quebrada com muito treino e prática. Por isso, não tenha medo de evoluir e crescer! Faça cursos, participe de treinamentos e, sobretudo fale consigo mesmo a apresentação em frente ao espelho. Parece uma dica clichê, mas a verdade é que ela traz muitos resultados satisfatórios!

Depois de descobrir quais são os erros mais comuns em uma apresentação de negócios é válido ir além para aprender Como fazer uma apresentação e conquistar o cliente. Aproveite, portanto, para aprimorar todo seu lado profissional e se desenvolva para melhores resultados.

Gostou? Compartilhe!Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone

Yanick Gudim

Founder, CEO ExpenseOn Yanick Gudim, controller com ampla experiencia em auditoria e consultoria de empresas de médio e grande porte. Durante 3 anos trabalhei como consultor financeiro para startups de tecnologia como: Just Eat, Elens, Girafas, Mega Mamute, Sorte Online, Beleza na web, Play tech, entre outras.

2 Comments

  1. Fico garto pela matéria, pois contribui muito para meus estudos. Quero seguir esse site e espero mais conteudos como esse. Na verdade é bem dificil conseguir boas materias assim, parabéns!

    • Muito Obrigado pelo seu feedback Jhonatam ficamos muito felizes com seu feedback.
      Se tiver alguma sugestão de pauta ficaremos muito felizes.
      Por favor se inscreva em nossa newsletter para receber conteúdos exclusivos! 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *